O corpo em cena: relações (obscenas) entre nudez e figurino


Foi lançado esta semana o livro “Afetos – pesquisas, reflexões e experiências em 4 encontros com Jean-Luc Moriceau”, organizado por Sônia Pessoa, Ângela Marques e Carlos Mendonça pelo selo PPGCOM/ UFMG. Entre os capítulos encontra-se “O corpo em cena: relações (obscenas) entre nudez e figurino” de Carlos Magno Camargos Mendonça, Juarez Guimarães Dias e Caroline Barbosa Manso, que faz um estudo sobre a performance “Melindrosa” da artista Ana Luisa Santos (BH).

“Este livro é resultado de uma série de encontros, promovida pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social da Universidade Federal de Minas Gerais (PPGCOM/UFMG), com o professor e pesquisador do Programa de Pós-Graduação do Institut Mines-Télécom, Évry, França, Jean-Luc Moriceau. Sob o tema “Os afetos na pesquisa acadêmica e na comunicação organizacional”, os encontros foram organizados pelas professoras Ângela Salgueiro Marques (Comunicação e Instituições) e Sônia Caldas Pessoa (Afetos: Grupo de Pesquisa em Comunicação, Acessibilidade e Vulnerabilidades) e pelo professor Carlos Magno Camargos Mendonça (Núcleo de Estudos em Estéticas do Performático e Experiência comunicacional). Realizados na Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, entre os dias de 21 a 24 de novembro de 2017, a atividade teve o apoio da Diretoria de Relações Internacionais (DRI) e da Embaixada da França no Brasil.

Os setes capítulos que compõem este livro apresentam pesquisas orientadas em uma direção que privilegia os aspectos afetivos da vida e daquilo que impulsiona o comum, o banal. Tais investigações narram a maneira pela qual os impactos próprios aos afetos ordinários formam o sujeito, revelando suas capacidades para afetar e ser afetado. São estudos que se debruçam sobre as intensidades e banalidades das experiências comuns; que olham atentamente para as experiências íntimas, aquelas que estão carregadas de emoção, que são percebidas no corpo e nas relações interpessoais e, portanto, que se inscrevem em um tempo e um lugar específico. Nos textos, o afeto comum simultaneamente se apresenta carregado de particularidades e como possibilidade de criar experiências responsáveis por moldar o sentimento do público, as dinâmicas culturais e as sociais do mundo político.”

Disponível em versão digital:

http://www.seloppgcom.fafich.ufmg.br/index.php/seloppgcom/catalog/book/27

SUMÁRIO

Capítulo 1: Sobre viver

Diego Guidi

Jean-Luc Moriceau

Isabela Paes

Capítulo 2: Acessibilidade Amorosa: ideias, encontros e afetos para pessoas que experienciam situações de deficiência

Sônia Caldas Pessoa

Mariana Silva

Capítulo 3: O corpo em cena: relações (obscenas) entre nudez e figurino

Carlos Magno Camargos MENDONÇA

Juarez Guimarães DIAS

Caroline Barbosa MANSO

Capítulo 4: Experimentações insurgentes criadas e filmadas pelos secundaristas: cenas de dissenso, dispositivos interacionais e performance política

Ângela Salgueiro Marques

Francine Altheman

Capítulo 5: Conhece-te a ti mesmo, enfrenta a ti mesmo: Os relatos de si como ponto de partida para a produção de conhecimento

Camila M. C. Alves Mantovani

Sônia Caldas Pessoa

Stephanie Boaventura

Capítulo 6: A mobilização afetiva do saber: Literatura como mediação da experiência do conhecimento

Vanessa Cardozo Brandão

Bianca Gomes Carvalho

Carolina Lopes Cançado

Pedro Henrique da Paixão Rocha

Capítulo 7: Os afetos religiosos na vida de um pesquisador em religião no Brasil

Bruno Menezes Andrade Guimarães

REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA

PESSOA, Sônia Caldas; MARQUES, Ângela Salgueiro; MENDONÇA, Carlos Magno Camargos. Afetos: Pesquisas, reflexões e experiências em 4 encontros com Jean-Luc Moriceau. Belo Horizonte: PPGCOM UFMG, 2019. ISBN 978-85-54944-21-6.

© 2020 Todos os direitos reservados